O presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), David Reis (Avante), vai pagar R$ 81.870,00 no quarto aditivo referente a um contrato para prestação de serviços de garçons, jardineiros, ajudantes e copeiros para a Casa Legislativa. Com isso, o valor global do acordo aumenta para R$ 627.670,08.

O objeto do acordo, conforme a publicação, é a “contratação de pessoa jurídica especializada na prestação de serviços de copeiragem (somente mão de obra), jardinagem (material + equipamentos + mão de obra), serviços de ajudante (somente mão de obra) e serviços de garçom (somente mão de obra), executados de forma contínua nas dependências internas da Casa Legislativa visando atender as necessidades da demanda do prédio da Câmara Municipal de Manaus, conforme Projeto Básico e seus anexos, resultante do Pregão Presencial n. 015/2018-CMM”.

Publicado no Diário Oficial Legislativo desta quinta-feira (5), o aditivo prorroga o prazo do contrato por mais 12 meses. O Parlamento Municipal pagará mensalmente para a empresa LS Serviços de Conservação Ltda o valor de R$ 52.305,84.

Conforme o documento publicado no Diário Oficial até o fim do ano, a CMM empenhará o valor de R$ 259.785,67 no contrato. Para o exercício de 2022 será disponibilizada a quantia de R$ 367.994,41 para a empresa “faz tudo”.

Contrato 

O contrato nº 018 é de 2018, sob a gestão do ex-presidente da Casa Legislativa, deputado estadual Wilker Barreto, tinha valor inicial de R$ 420.782,64 e seria válido por 1 ano. Ao longo do tempo, o acordo teve aditivos e aumento de valor.

Fonte: O Poder

Share.